sexta-feira, julho 30

TENDÊNCIAS


AS CORES DO VERÃO: NUDE, FLUO E CANDY.
Vem se aproximando o verão e as tendências vão se definindo, o nude continuará em alta, e você poderá combinar com as candy colors, que são aquelas cores um pouco mais fortes que os tons pastéis, parecidas com os tons das balas de goma. Já , os tons fluo, as cores vibrantes podem ser usadas discretamente em uma peça ou acessório combinando com o nude ou o candy, mas se você for mais ousada pode misturar dois ou três tons fluo.
FLUO: pink, azul, verde, laranja.





















CANDY: cores mais fortes que tons pastéis.


NUDE: do bege ao rosa. 

sexta-feira, julho 23

Eco Chique: é o luxo e a sustentabilidade caminhando juntos.


A preocupação ecológica e social também se torna definidora do luxo. O uso de matéria prima orgânica ou reciclada, a mão-de-obra de qualidade, que não envolva trabalho escravo ou infantil, segurança e ciclo de vida do produto são implicações desse conceito tão falado, mas pouco aplicado. A Hermès estuda há anos o couro ecológico e tem uma linha de escritório feita com esse material.
                                                               Bolsa da Redley de lona de plástico pet reciclado 
No Brasil, a carioca Redley usa malha produzida com plástico PET, algodão orgânico e o chamado recouro, feito a partir de sobras processadas. Desenvolver um novo processo, fazer os testes para aprová-lo, envolver mão-de-obra especializada e trabalhar quase que artesanalmente tem um custo alto, mas nem todo mundo está disposto a pagar o preço.
                      Tênis osklen de seda ecológica processo artesanal natural e orgânico
A Osklen também mantém esse compromisso. Por meio do projeto e-fabrics, criou critérios de avaliação de materiais sustentáveis a serem utilizados pelas indústrias da moda têxtil. Atualmente, recebem o selo e-fabrics mais de 20 diferentes categorias de materiais de origens recicladas, orgânicas, naturais ou reaproveita materiais na decoração das lojas.

Uma das pioneiras desse tipo de moda é a inglesa Stella Mc-Cartney, a estilista não consome qualquer produto de origem animal, que tenha sido testado em animais ou que inclua qualquer forma de exploração animal nos ingredientes ou processos de manufatura. É ativista do Peta (organização de proteção aos direitos dos animais). Em suas coleções, Stella usa matérias primas como couro vegetal e algodão orgânico.
                              Desfile Stella Mccartney usa materias primas ecológica
Pequenas atitudes são um começo importante.
Indústrias substituíram determinados produtos, por materiais certificados. A captura dos crocodilos, deixou de ser feita de forma predatória e deu origem às fazendas de criação. A Dior e a Cartier têm essa preocupação com seus fornecedores e processos. Investir em tecnologia e transformar algumas técnicas inclusive, curtir o couro de maneira menos agressiva com o uso do tanino, uma substância encontrada na casca das árvores. Em 2007, a Louis Vuitton inaugurou o primeiro armazém verde que, aproveita a luz solar e a água da chuva. A Baccarat, sopra vidro como há 300 anos. Ajudar comunidades carentes e participar de ações sociais também são ações positivas. A Redley já monitorou baleias na Região dos Lagos, no Rio de Janeiro,e contribuiu com campanhas para limpeza das praias. A Fundação Hermès apóia projetos de promoção do artesanato tradicional, incentiva as artes e o comprometimento com a educação e o meio ambiente.

No dia 27 de julho em São Paulo, será apresentado um desfile inédito da marca de cosmético Lancôme, Juliana Jabour foi escolhida embaixadora da marca no Brasil. O desfile celebrará os 75 anos da empresa francesa fundada por Armand Petitjean.
A coleção de alto-verão foi inspirada no frescor, elegância e feminilidade, em sintonia com os conceitos de Lancôme. O desfile terá a presença na primeira fila de Elettra Rossellini Wiedemann, neta de Ingrid Bergman e filha da atriz Isabella Rossellini que foi a representante mais importante de Lancôme.
JC Alcântara , makeup,vai assinar a beleza do evento e ainda irá atender os convidados, que serão presenteados com um pingente banhado a ouro e desenvolvido por Juliana. Mas quem quiser adquirir o mimo, ele estará à venda no showroom da estilista e parte da renda arrecadada será revertida para a ONG Spectaculu, escola de artes cênicas de Gringo Cardia no Rio de Janeiro, apoiada pela Lancôme desde 2008.

segunda-feira, julho 19

Três bolsas em uma?


Gostaria de ter 3 bolsas em 1, então deixe isso para Phillip Lim, o príncipe do prático chic, tudo é questão de padrão estampado de um lado e liso do outro, isso mesmo dupla face e não é só, vai do escritório à praia em um piscar de olhos. Ainda vem uma bolsa de moedas combinando que você pode usar com outras bolsas também.

 

segunda-feira, julho 12

Pasarela | 1 de 47 | Armani Privé alta costura otoño-invierno 2010/11 | Vogue

Pasarela 1 de 47 Armani Privé alta costura otoño-invierno 2010/11 Vogue

Desfile de Alta Costura - Paris

Edição outono/inverno 2010/2011 - Paris
Calendário dos desfiles da Semana de Alta -Costura
5/07: Maison Martin Margiela – Christophe Josse – Bouchra Jarrar– Christian Dior– Atelier Gustavo Lins – Adeline André– Alexis Mabille
6/07: Giorgio Armani Privé - Lefranc.Ferrant – Stephane Rolland– Givenchy – Chanel
7/07: On Aura Tout Vu – Franck Sorbier – Elie Saab – Jean Paul Gaultier – Maison Rabih Kayrouz – Valentino
08/07: Dia dedicado aos acessórios – Boucheron - Chanel Joaillerie – Chaumet - Mellerio Dits Meller - Van Cleef & Arpels
                                                Dior
O estilista Elie Saab se inspirou no teatro La Fenice, em Veneza, para compor as cores de suas peças.                                                                     
Karl Lagerfeld quis fazer algo além da alta costura e trabalhou com bordados e lantejoulas minúsculas,não economizou no brilho na coleção primavera-verão 2011 couture da Chanel. Sem abrir mão dos conjuntos que eternizaram a marca. Os looks, muitas vezes, seguem a mesma linha da cabeça aos pés, com botas feitas no mesmo material das roupas. O tweed, que também é forte nas coleções Chanel, se faz presente mais uma vez.
O estilista Jean Paul Gaultier conta que usou alfinetes de segurança para criar os bordados e Dita von Teese tira a roupa na Semana Alta Costura de Paris.                                                                                                  
 













-Dita von Teese na passarela de Gaultier                                                                                                Chanel-

Definida por parte da crítica especializa como "geração Crepúsculo", Valentino mostrou vestidos curtos, em estilo boneca, feitos para meninas bem novas, muitos babados e laços, flores aplicadas, rendas e tules numa cartela de cores dominada por preto e branco - muitas vezes juntos na mesma peça. Os sapatos também fazem o estilo 'baby doll', sempre com um lacinho arrematando.
Isabeli-givenchy                                                                                                                Valentino

sexta-feira, julho 2

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails